Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

VENTANIA IMAGINADA



Cheguei a um lugar e fiquei cego
Forte vento infernal se levantava
Não sei como é que o vento se chamava
Mas sei que em mim lançou desassossego.

As coisas a que tinha tanto apego
Dum golpe se varreram da memória
São coisas que passaram à história
Por descuido afundadas nalgum pego...

Um som surdo enrolado em torvelinho
Martela-me a cabeça atormentada
Tomado de emoção em desalinho

Numa fuga veloz desenfreada
Que leva ao que sonhei em rapazinho
Saí da ventania imaginada...