Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

A SEDA DO TEU CORPO

sedadocorpo.jpg

O teu lânguido corpo sensual
Sempre envolto num manto sequioso
É presente e pretérito saudoso
Tem-me dado prazeres sem igual!

No teu corpo encontrei eu, afinal,
O desejo e o ardor voluptuoso
Que tornou nosso amor mais revoltoso
Do que as ondas de um forte temporal.

A seda tão brilhante como a lua
Que o teu corpo não perde nunca mais
Faz de ti uma diva sobre a terra.

No contacto co'a tua pele nua
Sinto como ninguém sentiu jamais
Os delírios que só o Céu encerra!