Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

AS FOLHAS DAQUELA ÁRVORE

arvore.jpg

Em dias de Primavera
Aqui sentado em sossego
Neste jardim de quimera
Eu comtemplo o arvoredo

E as folhas daquela árvore
Ao vento sempre agitadas
Quais ondas dum mar suave
Á luz do sol prateadas

E o verde sempre crescente
E as voltas que os ramos dão
E o andar de tanta gente
Entre esta vegetação

E as crianças a gritar
Pulando rindo e correndo
E o modo peculiar
Como a brincar vão crescendo.

E a força da natureza
Enchendo o meu coração
De tanta e tanta beleza
Levanta-me os pés do chão ...

Abel

1 comentário

Comentar post