Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

BARALHO DE CARTAS






Um simples risco num carro
Não impede a sua marcha
Mas dá azo a reparo
E não deixa de ser mancha.

A ferrugem deteriora
E o efeito repelente
À vista de toda a gente
Nunca mais se vai embora.

Um fio de água que corre
Fugidio da censura
Não derruba uma torre
Mas causa alguma fissura.

Uma voz que se alevanta
Por si só não muda um rumo
Mas rompe um pouco o negrume
Deixando uma marca branca.

Um hodierno forte muro
Pra impedir de passar
É baralho, no futuro,
De cartas a desabar!
Direito por linhas tortas
É certo que Deus escreve
A quem sofre o que não deve
Abre Deus as melhores portas!