Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

O ACASO



Em passeio renovado
Por caminho invertido
Fui eu bem surpreendido
Por encontro inesperado.

O ouvinte que faltava
Amável e feminino
Foi por certo o bom destino
Que os meus passos comandava.

Falei mais do que devia
Da minha própria pessoa
Ainda assim fala boa
Que por nada foi vazia.

Comércio e natureza
Propriedade e produção
São assuntos com certeza
De nobre conversação.

Águas vivas que secaram
Por desleixo ou ignorância
Vítimas da vil ganância
Arvoredos soçobraram.

As vedações odiosas
Daqueles que não produzem
A terra fértil reduzem
A densas matas ociosas.

Sem juventude na idade
No rosto ainda beleza
No entender a destreza
Que augura longevidade!