Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

DENTRO E FORA DO MAR



Pão no bico dos pardais
Melros com bichos no bico
Vão e vêm buscar mais
Num vaivém quase infinito.

Viro folhas com prazer
De mais um livro que leio
Inigualável recreio
Misto de acção e lazer.

Árvores deixando os lutos
Ganham nos meses que vão
Da Primavera ao Verão
Folhagem flores e frutos.

Hodiernos barcos sem vela
Deslizam na água azul
Ventos do Norte ou do Sul
Passeiam por cima dela.

De noite quais sentinelas
Junto à muralha taínhas
Traçam borbulhentas linhas
Quer em cruz quer paralelas ! 

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.