Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

VERSOS RIMADOS

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

Versos de amor, de crítica, de meditação, de sensualidade, criados ao sabor da rima e da métrica pelo autor do blog...

SE...



O Sol de frente banha o meu rosto
Ergo os olhos e os seus raios já não suporto
O brilho que antecede o desgosto
Do amor que era luz e agora está morto.

A brancura mais alva das manhãs límpidas
Perde a sua claridade do sol que se esconde
Penetra a inquietude até às fimbrias
Chega a dor não se sabe bem donde.

Se eu fosse um grande poeta
E bons os versos que fizesse
Seria de ouro a minha caneta
E deles gostaria quem os lesse.

Se eu tivesse o jeito acabado
Para escrever que não a martelo
Teria telhas o meu telhado
A minha casa um ar mais belo.

Se a vida fosse ao contrário
Começasse onde chega ao cabo
Seria outro o meu rosário
Talvez até matasse o diabo.

Se a existência fosse um trajecto
De sonhos sempre a crescer
Partiria num barco discreto
Que zarpasse ao amanhecer.

Se não cantasse os dissabores
Morrendo eu morreria
Mais não são que os rumores
De passos subindo a escadaria....